domingo, 13 de julho de 2014

Changelings



     Os Changelings são impostores do mundo das fadas.
Segundo o folclore celta, as fadas são uma raça quase em extinção, com uma decadência genética que é passada de mãe para filho. Numa tentativa desesperada de fortalecer sua espécie com sangue forte, elas seus bebês, mais fracos e doentes por bebês humanos e saudáveis.
Normalmente, o bebê trocado pelas fadas é muito pequeno,frágil e doente e nunca obtêm um crescimento natural. Quando chega aos vinte anos de idade tem a altura de dez, isso com sorte, pois geralmente, não alcança essa idade.
Existem ainda outras versões que as fadas deixam no lugar da criança um velho elfo que assumiria a forma de uma criança raquitica que morre em poucos dias, e há também as que asseguram que é realmente um pedaço de madeira ou marionete que, por encanto especial,tem a forma da criança roubada.
Katharine Briggs, em seu "Diccionario de las Hadas" , diz que há três tipos de changelings ou impostores:

  1.  Um pedaço de madeira ou marionete é o método que costumam usar na troca de pessoas adultas capturadas. Esse é o caso das amas de leite ou parteiras, representando a cópia exata da dita pessoa.
  2.  O enfermo bebê da fada, a quem o nutritivo leite da mãe humana pode dar-lhe a oportunidade de salvação. A fada ficaria com o bebê humano saudável.
  3. A fada velha e enrugada que, cansada de sua vida, prefere ser alimentada e mimada por sua mãe adotiva, transformando-se para ela em uma criança.

Na Grã-Bretanha, existem sortilégios e conjuros mágicos que pode se realizar para descobrir se uma criança foi trocada pelas fadas. Um deles consiste em pegar uma dúzias de ovos e colocá-los em uma panela com água fervendo. Se a criança for um elfo ou um changeling começará a falar (algo que não seria possível devido à pouca idade) com expressões como esta:

"- Que estás preparando mamãe?" 
Ou...
"- Estou a quinhentos anos nesse mundo e nunca vi um cozido de cascas antes."

Isso é eficaz, pois quando os impostores são muito velhos sempre acabam revelando sua idade.

Na Escócia, o povo acredita que seus crescentes desejos de tocar gaita os delata.
Outra forma de reconhecê-los é expô-los a um incêndio e cantar uma fórmula. O Changeling deixaria o corpo e subiria a chaminé.
Colocar um objeto de aço ou ferro sobre o berço de uma criança que ainda não foi batizada ou vestir a criança com a roupa do avesso ajuda a afastar os impostores.
Surpreender o Changeling como, por exemplo, produzir cerveja dentro de uma bota, pode afastá-los de vez de sua casa e quem sabe, com muita sorte, trazer o seu bebê de volta.
As crianças e adultos sequetrados pelos changelins ficam escondidas por algum tempo em subterrâneos e depois são escravizados.

Na série Sobrenatural (exibida no sbt todas as sextas-feiras, após o seriado Dois homens e meio), os Changelings tomam o lugar das crianças e se alimentam da força das mães, sugando-as pela nuca. Os Changelins podem ser identificados em espelhos, por sua aparência enrugada e demoníaca, uma fome animalesca e traços não humanos, além de uma inteligência brilhante, como destacada em um dos contos dos irmãos Grimm:

"Uma mulher, suspeitando que seu filho, na verdade, fosse um changeling, começou a fazer cerveja dentro de um casco de bolota. O Changeling observou e disse: - Estou me sentindo tão velho quanto um carvalho do mato, pois nunca vi na minha vida, cerveja ser feita em uma bolota." Depois disso, desapareceu.

   Um filme muito interessante sobre esse tema é o Caso 39 que conta a história de uma assistente social que ajuda Lilith Sullivan de 10 anos a se livrar de seus pais que tentaram assá-la viva em um forno, acreditando que ela era uma coisa maligna. A assistente social consegue uma guarda provisória da pequena Lili e a leva para sua casa. Mas fatos estranhos começam a ocorrer. Primeiro, um colega de reabilitação de Lili mata os pais no meio da noite com uma barra de ferro, logo após receber uma misteriosa ligação. Um detetive, amigo da assistente social investiga o caso e descobre que a ligação foi feita da casa da assistente social. Ela pergunta a Lili se ela ligou para a casa de seu colega, mas Lili nega. Quando o psiquiatra, namorado da assistente social morre de uma forma bizarra, ela decide ir  ao Hospital Psiquiátrico e conversar com o pai de Lili, descobre que Lili já nasceu com o mal, que é uma changeling. A assistente tenta se livrar da garota mas descobre que não é tão fácil assim. A única maneira de matar Lili seria quando ela estivesse dormindo, já que só assim, ela seria mais vulnerável. Mas Lili quase não dorme. Minha amiga Giovanna teima em dizer que Lili seria um demônio, mas acho que ela é apenas uma changeling. Enfim, demônio ou changeling... não importa! O filme é divino. Exceto o final alternativo que tem no you tube. Prefiro o final oficial.

0 comentários:

Postar um comentário